Lançamento em São Paulo

Sábado estarei em São Paulo para o lançamento da Coleção Criancas a Bordo. Será na Livraria da Vila do Shopping Cidade Jardim, às 16hs com oficina da Sucatinha de Lixo para as crianças. Acho que vai ser um evento muito bacana, comecei a semana super empolgada! O Pedro e a Nina já estão confirmados.
O evento é uma parceria com a revista Kids In, que antes circulava só no Rio e agora já em São Paulo e em Curitiba também!

Lançamento Coleção Crianças a Bordo

Crianças a Bordo – Como Viajar com Seus Filhos Sem Enlouquecer
Buenos Aires com Crianças – Aventurinhas na Terra do Dulce de Leche
Quando: 14 de maio, Sábado, às 16hs
Onde: Livraria da Vila do shopping Cidade Jardim

São Paulo com crianças

A última vez que fui a São Paulo com o Pedro, eu estava grávida da Luiza. Ele tinha 4 anos e fizemos vários programas bem legais. O motivo da viagem foi uma exposição do Star Wars lá no subsolo pavilhão da Bienal, no Ibirapuera. Aproveitamos a ida e também fomos o Parque da Mônica do Shopping Eldorado (que não existe mais) e no Zoo Safari.

Este fim de semana foi a estreia (em grande estilo) da Luiza em SP. A desculpa foi o aniversário de uma amiga. Aproveitamos para ir em 4 exposições:

ÁGUA NA OCA

Na sexta-feira fomos ver a Água Na Oca. De todas, esta foi a que o Pedro mais gostou. Os dois se divertiram muito pois ela é bem interativa, tem espaço para correr e tem… água! (Que criança não  gosta de brincar com água!?!). Acho que uma das coisas mais legais é um filme que é projetado no teto, para assistir, você deita em colchões de água espalhados pela sala.

A exposição da ÁGUA só vai até domingo, dia 8 de maio!


Depois da exposição demos um tempo no parquinho do Ibirapuera. As crianças aproveitaram tanto que ficamos fazendo piadas entre nós, dizendo que eles estavam aproveitando tanto porque não tinham muitas oportunidade de brincar no jardim.

O MUNDO MÁGICO DE ESCHER

O mini Pedro e a super Luiza (de saruel da Mammamini e tudo!)

e a mini Luiza com o super Pedro

Na minha opinião, O Mundo Mágico do Escher é imperdível. Para mim, foi a melhor (embora todas tenham sido muito legais). A primeira vez que ouvi falar dela foi no blog da Paloma que mora em Brasilia. Fiquei desesperada porque gosto muita da obra dele e fiquei pirando nas fotos da mostra. Quando a exposição foi para o Rio, vi no blog da Chris. Então soube que estava em São Paulo, meus pais e o nuno quiseram ir. Lá fomos nós, parecia excursão. Nosso hotel era em Pinheiros, decidimos que a melhor maneira de ir para o centro, era de metro.

A caminho do metro

Adorei tudo. Teria ficado muito mais tempo, se pudesse. E penso seriamente em voltar. Além das obras serem super interessantes, as montagens e salas especiais são fasntásticas. Obrigatório para quem é fã e essencial para quem não conhece. Ah, sem falar que o Centro Cultural Banco do Brasil é lindo!Eu achei interessante a visão do Pedro sobre a quebra de perspectiva e dos planos, para ele nem tudo era tão estranho como para mim, acho que alguns planos que para nós não fazem sentido, para ele, talvez ainda façam.

O Mundo Mágico de Escher
Até 17 de julho de 2011
Local: CCBB-SP
Endereço: Rua Álvares Penteado, 112, Centro/ Próximo às estações Sé e São Bento do Metrô
Horário: terça a domingo, das 9h às 20h

Classificação: Livre
Entrada Franca
 
 

MUSEUS DA LINGUA PORTUGUESA

De lá fomos para o Museu da Língua Portuguesa. Ele tem sido super elogiado e eu ainda não conhecia. Foi um passeio bem bacana, as instalações são lindas! Mas confesso que fiqui um pouco desconfortável porque o ar-condicionado estava muito frio e eu quase congelei. De qualquer maneira recomendo a visita. Para crianças na idade do Pedro (7 anos) a brincadeira interativa com as palavras nas diferentes línguas é muito bacana. No sábado, a entrada é gratuita.

Museu da Lingua Portuguesa
Praça da Luz, s/nº
Centro – São Paulo – SP
(11) 3326-0775
museu@museulp.org.br
 

Para terminar nosso sábado cultural, atravessamos a rua e tomamos um suco no café da Pinacoteca (outro prédio muito bacana que sempre tem exposições que valem a visita). Antes a Luiza brincou um pouco no jardim.

Pinacoteca do Estado de São Paulo
Praça da Luz, 2 São Paulo, SP – Tel. 55 11 3324-1000
 

Quando chegamos no nosso hotel descobrimos que a seleção do Palmeiras estava hospedada lá. Não que o Pedro torça para eles, mas para um fã de futebol, encontrar jogadores profissionais é sempre motivo de emoção.

MASP – 6 bilhões de outros


No domingo de manhã fomos no Masp ver a 6 bilhões de outros. Mesmo tendo visto tanta coisa legal na sexta e no sábado, foi surpreendente. Não tirei fotos porque não era permitido, mas eu tive aquela sensação de querer guardar aquelas imagens e aquelas histórias pra sempre dentro de mim. Mexeu muito comigo. Ideia do fotógrafo e ambientalista francês Yann Arthus-Bertrand, a exposição começou a ser montada em 2003. Milhares de pessoas do mundo inteiro foram entrevistadas, para cada uma foram feitas as mesmas perguntas que falam de família, religião, infância e sonho.

6 BILHÕES DE OUTROS
Onde: subsolo do Masp (av. Paulista, 1578. Tel.: 0/xx/ 11 3251-5644)
Quando: de 20 de abril a 10 de julho; terça a domingo, das 8h às 18h
Quanto: R$15

Zoo Safari

O Zoo Safari é o ex-Simba Safari, um zoológico onde os animais ficam soltos pelo parque (quem tem minha idade deve lembrar). Todo o trajeto é feito de carro (ou de van do próprio zoológico). Em grande parte do trajeto você passa bem pertinho dos animais, em muitos momentos é preciso parar ou desviar deles. Os mais selvagens ficam em um local protegido. A área mais divertida é dos macacos pois eles sobem no carro e as crianças (e os adultos) adoram!

Av. do Cursino, 6.338 – Saúde – Sul. Telefone: 2336-2131.
Ingresso: R$ 8 (crianças de quatro a 12 anos, maiores de 60 anos e estudantes) e R$ 16. Veículo do parque: R$ 14 (crianças de quatro a 12 anos) e R$ 18. Grátis p/ menores de três anos acompanhados de adulto pagante.
Não aceita cheques. Não aceita reservas. Tem acesso para deficiente. Não tem local para comer.
terça a domingo: 9h às 16h (c/ permanência até as 17h)
 
 

Um detalhe importante desta viagem foi a questão de ONDE FICAR com dois filhos já grandinhos. Quando eu era adolescente eu ficava na casa do meu tio. Depois comecei a ficar na casa de amigos, mas agora que a familía tá GRANDE preciso de hotel, e um quarto com um bercinho não resolve mais o meu problema… prometo um post sobre esta saga!

Já a parte gastronomica, na minha opinião, sempre se resolve fácil. Sempre comi bem em São Paulo (embora seja sempre bem amis caro que em Curitiba). Quando fizemos os museus do centro, acabamos comendo por lá mesmo, o nome do restaurante era Restaurante Bancário. Fomos bem atendidos e tanto nós, como as crianças, comemos bem. No domingo almoçamos no Genésio, na Vila Madalena. Por mim, voltava lá hoje mesmo!

 
Genésio
Rua Fidalga, 259 – Vila Madalena – São Paulo – SP
Tel: (11) 3812-6252
 

Cape Town para crianças – Africa do sul

Uma cidade onde todos são gentis e sorridentes não podia decepcionar em relação ao tratamento com as crianças: Cape Town (Cidade do Cabo) é cheia de mimos para os pquenos!

Começou no avião: fomos para Africa do Sul de South Africa Airlines, quando vi que a cia áerea tinha um kit para crianças, pedi 2, um para o Pedro e um para a Luiza e eles trouxeram na hora.

A cidade tem vários parquinhos e muitos restaurantes tem menu kids. Os aeroportos e os banheiros tem trocador, e nos supermercados foi super fácil achar leites em pó, fórmula e papinha.

Pontos Turísticos

No Victoria and Albert Waterfront, o porto que fica no pé da Table Mountain, há um shopping com banheiros equipados, lojas infantis, restaurantes e o Two Oceans Aquarium.

O Jardim Botânico, Kirstenbosch National Botanical Garden, é lindo e fica atrás da Table Mountain. O dia estava bem feinho quando fomos lá, mesmoa ssim havia diversas famílias brincando e fazendo picnic no gramado.

Os animais

Capetown não é o local indicado para safaris e para ver os BIG 5 (BIG FIVE são os cinco grandes mamíferos encontrados na Africa: Leão, leopardo, elefante, bufalo e rinoceronte) na verdade, até existem, mas eu acredito que ir num safari perto da Cidade do Cabo é mais ou menos equivalente a ir a um zoologico no Brasil. No entanto, vimos diversos animais bem diferentes do que encontramos por aqui. No caminho do Cabo da Boa Esperança, por exemplo, é possível ver MUITOS babuínos na beira da estrada. (Não éa conselhado brincar com eles pois eles podem ser agressivos).

O dassie (pamen!) é um parente próximo do elefante e adora tomar banho de sol!

Na volta do passeio, demos uma parada na cidadezinha de Boulders, onde há uma reserva de pinguins. Não chegamos a entrar na reserva, mas mesmo assim pudemos ver os bichinhos e seus ninhos.

As praias

Outro programa perfeitos para famílias com crianças são as praias, a areia é branca e o mar transparente! O único detalhe é que a água é MUITO fria!

A região dos vinhedos

Tivemos uma surpresa agradável na região dos vinhedos, além da maioria, ser encantador para adultos, ainda há uma estrutura simpática para as crianças. O La Motte (Franschhoek Main Road) é um dos mais sofisticados e, além de menu kids, conta com um jogo de xadrez gigante e uma área, embaixo das árevores para as crianças brincarem.

A cidade de Stellenbosh é toda bonitinha e também tem muitos cafés e lojinhas simpáticas. Para as crianças, a principal atração é o museu das miniaturas.

Stellenbosch Toy and Miniature Museum

Market Street (Behind Visitors’ Bureau)

Vambora para Buenos Aires com as crianças?

Para quem ainda não viu no blog da Carol, da , da Vanessa, da Alexandra, no 1001 Roteirinhos, no Eu Viajo com Meus Filhos, ou no blog da N Magazine, domingo que vem, dia 20 de fevereiro, será lançado mais um guia super bacana para pais que, como eu, amam viajar e adoram levar seus filhos junto. O guia Buenos Aires com Crianças – Aventurinhas na Terra do Dulce de Leche foi escrito pela jornalista Fernanda Paraguassu, autora do blog  Buenos Aires para Niños, que deu origem ao livro.

A Fernanda é carioca descobriu cada cantinho de Buenos Aires porque morou lá. Ela vai estar no lançamento autografando os livros na Livraria Travessa do Leblon, a partir das 16hs!

Eu já fui para Buenos Aires com o Pedro quando descobri que estava grávida da Luiza, o Pedro tinha 4 anos. Fomos no zoologico, passeamos muito e ele adorou andar de metro. Agora estou morrendo de vontade de ir de novo.

Ano Novo em Bombinhas

Eu já fui para a região de Bombinhas MUITAS vezes. Com e sem filhos. Com chuva, com frio, com sol e calor. Já fiquei em hotel super completo e em pousadinha. Já fiquei em Mariscal, em Bombinhas, em 4 ilhas, em Canto Grande, em Zimbros. Gosto de todas. Este ano, passamos o reveillon em Canto Grande, ou melhor dizendo, em Morrinhos.

Algumamos uma casa literalmente na areia. Tipo, você abre a porta e pisa na areia, mais 10 passos, está com o pé no mar. Para quem tem filhos, é difícil encontrar um lugar tão apropriado. A dinâmica na casa funcionou super bem. Eu ia para praia bem cedinho, os outros só davam as caras uma ou 2 horas mais tarde, e iam se juntando a quem já estava ali na frente.

Quando eu precisava dar comida pra um ou pra outro, não precisava ficar longe dos outros, estava há apenas dois passinhos.

Luiza com a tia Gi

Lu e Pe com o tio Dan

Sem falar que as melhores peixarias ficavam bem pertinho da nossa casa, podiamos comprar peixe e camarão fresquinho para o almoço, todos os dias.

O tempo ajudou muito. Meu irmão disse que chegou a sentir tédio, de tanto tempo sem fazer nada. Como isto dificilmente acontece com quem tem filhos, não posso dizer o mesmo. Mas gostei muito. E descobri dois lugares bem bacanas, o primeiro é um restaurante chamado Tatuira. Eu adorei. Pena que só fomos no último dia, porque adoraria voltar lá.

Tatuira Petisqueria
Av. João José da Cruz, 1700 (Canto Grande), 6 km
(47) 3393-4004
 

O Pedro adorou a Milkshakeria (em Bombas). Acho que milkshakes estão na moda em Santa Catarina (e pelo que entendi no Rio grande do Sul também) porque eles estavam por todos os lados! São mais de 500 sabores de milkshakes, alguns super-mega coloridos e heios de balinhas. A Luiza também adorou!

Outro lugar que descobrimos foi o Pier 98. Embora eles não sirvam almoço, os petiscos estam super gostosos e o Pedro e a Luiza se divertiram!

Pier 98
Rua Geral do Araçá, nº. 98 – Bairro do Araçá – Porto Belo
Santa Catarina – SC

Visual de cima do morro

Tem outro post sobre Bombinhas aqui.

E uma matéria que escrevi para a Kids In que saiu mês passado, aqui. (pagina 82)