Hotel com crianças: Club Med Rio das Pedras

Piscina Club Med Rio das PedrasFim de semana passado fomos convidados para conhecer o Club Med Rio das Pedras, que fica no litoral do Rio de Janeiro. Eu, que sou  fã de praia e calor, adorei esta escapadinha com as crianças para um resort, em pleno inverno!

O Club Med é uma rede conhecida por ter muitas opções de atividades e recreação. Algum tempo atrás não tinha nem televisão nos quartos, pois o objetivo era que os hóspedes fizessem atividades, esportes e se integrassem um com os outros (agora tem televisão, embora a gente não tenha nem usado!). Tudo isto, mediado pelos GOs, a equipe de recreadores, animadores e instrutores do hotel.Club Med Rio das Pedras

O hotel fica na Rio-Santo, um local muito bonito! A arquitetura é super charmosa e lembra as fazendas coloniais do interior do Rio.

Ficamos hospedados em um quarto muito bacana de dois andares com vista para o mar. As 3 crianças (meus filhos e minha afilhada) ficaram no andar de cima. Na escada tem um portãozinho – muito útil para quem estiver viajando com bebês que estão aprendendo a andar ou crianças pequenas.

Quarto hotel Club Med

Embora o resort não seja novo ele é constantemente renovado.

As refeições

O restaurante principal é grande e tem um menu bem variado. Muitos pratos são preparados na hora, tanto no almoço e no jantar como no café da manhã. Sempre há opções que agradam todos os gostos: light, gourmet, infantis, etc.Café da manhãPara quem está viajando com bebês, existe ainda o Cantinho do Bebês, com leites, fórmulas, frutas, microondas e utensílios úteis que pode ser usada 24 horas.Cantinho bebêQuando o restaurante principal fecha, o Jangada, abre. Ele é uma alteranativa para quem perdeu o almoço ou o café da manhã, ou quer fazer um lanchinho – o Pedro quis. À noite ele é um restaurante à la carte, incluído na diária, é necessário fazer reservas para jantar lá.

A recreação

O Club Med oferece muitos esportes e atividades que podem ser feitas tanto por quem está participando da recreação, quanto por quem não está como tênis, por exemplo. A recreacão assistida por monitores é a partir de 4 anos. O Pedro (11 anos) fez algumas atividades com o grupo, como o esqui aquático e o arco e flecha. Depois ele voltou várias vezes no arco flecha, algumas sozinho, outras com o pai.

Arco e flecha - Atividade do hotel Ele também brincou no Espaço Coca-Cola Teen – o novo espaço do hotel que é bem apropriado para idade dele: tem xadrez, pimbolim, alguns jogos de Wii (nenhum que possa ficar sentado), música bacana e uma decoração super moderninha!CocaColaWifiespacoTeenA Luiza, que tem 5 anos, também se alternou. Ficou um pouco com a gente na piscina e um pouco com a recreação. Neste sentindo, achei que faltou um pouquinho de encantamento para ela se unir a recreação – em alguns hotéis vi ela se entregar com mais facilidade. No Club Med, o momento onde ela se rendeu foi quando começaram os ensaios para o show.Show Club MedO ponto alto da recreação, sem dúvida, foi a apresentação no sábado a noite, onde eles fazem um grande musical onde as crianças participam. Confesso que cheguei a ficar emocionada e também impressionada com as coreografias. Acho que nunca tinha visto o Pedro dançar (fora festa junina, claro)! E a Luiza ainda fez um show extra de acrobacias, com o Hendel, gerente do Club Med Rio das Pedras!Piscina infantil Club MedA sede da recreação, Mini Club Med,  tem salas, quadras exclusivas e uma piscina infantil cercada super bacana. As crianças piraram quando viram! O Espaço Baby Club – para crianças de 2 e 3 anos é o único que não incluído no sistema all inclusive.

Baby Club

Os adultos também podem se divertir participando de gincanas, praticando esportes como tenis, volei de praia (que o Nuno adorou) ou, se preferirem, podem ficar na piscina calma, que fica mais isolada e onde não tem crianças nem atividades em grupo  na piscina!

Praia Rio das Pedras

G.Os – Gentil Organizadores

O hotel tem um lema de gentileza que é seguido a risca por muitos membros da equipe. Fiquei encantada com algumas pessoas, entre elas o Fabiano, a Marina e o Hendel.Recreração ClubMedFoi um fim de semana delicioso, com direito a conhecer alguns blogueiros de viagem e suas famílias que estavam na mesma Press Trip, que eu já conhecia e admirava,  como o Alessandro do Wazari (que inclusive está na lista de blogs da  3ª edição do livro Como Viajar Com Seus Filhos Sem Enlouquecer), a Renata Luppi do Mala Inquieta, a Claudia Consentino, que estava representando o Viajando com Pimpolhos, a Patricia Longo Tayão, do Viajarhei , a Fer (que também é minha sócia) no Eu Viajo Com Meus Filhos e conhecer ainda a Paula Ferreira, (que estava representando o Viage na Viagem), a Guta, do Vambora e a Tatiana Flores TV.

Club Med Rio das Pedras

 

Club Med Rio Das Pedras

O hotel fica a 115 km do Rio de Janeiro – levamos 1h40 do aeroporto Galeão.

BR 101 KM 441,5
RODOVIA RIO SANTOS 23860-000
MANGARATIBA,
RIO DE JANEIRO
Telefone: (55) 21 26 88 91 91
 
Nossa estadia foi um convite do Club Med.
As passagens aéreas foram pagas por nós.Rio das Pedras

 

 

 

Do aeroporto Galeão para as praias: taxi e ônibus

Fiz uma conexão no Rio de muuuuitas horas com as crianças e decidi que era melhor passar o dia na praia do que no aeroporto.

Vai dizer que não é menos estressante ficar na praia do que no aeroporto?

Foi assim que testei o frescão (ônibus que vai do aeroporto até diversos locais como o centro, as praia e o Santos Dumont) e descobri um cartão de retorno da cooperativa de taxi Aerocoop que garante a volta bem mais barata que a tarifa normal.

frescão – o ônibus que liga O aeroporto a Zona Sul

O  “frescão”, o ônibus que liga o aeroporto à Zona Sul (principais praias) e o centro é prático e confortável, pois  tem ar condicionado. Foi bem fácil encontrar informações sobre o ônibus dentro do aeroporto e ele veio rápido. A linha que vai do aeroporto até a orla da Zona Sul é a 2018. No domingo tinha pouco trânsito, mesmo assim acabou levando cerca de 2 horas justamente porque uma das pistas da Orla fica fechada aos domingo. A passagem custa R$ 13. (Do Galeão para o Santos Dumont, aeroporto no centro, a tarifa é R$ 11).

O Pedro e a Luiza pagaram inteira, ou seja, gastamos R$ 52 para ir do aeroporto para a Zona Sul.

Ônibus "frescão" que vai do aeroporto internacional do Rio até a Zona Sul

Ônibus “frescão” que vai do aeroporto internacional do Rio até a Zona Sul

Tarifa Especial de taxi:

Nesta mesma viagem, descobrimos uma dica bem bacana de pagar menos em um taxi confiável. Ao chegar no aeroporto, vá direto para o saguão, perto da rua, há pessoas uniformizadas com a logo AEROCOOP. Eles tem valores bem mais baixos do que os guichês dentro da área de desembarque. Combine seu destino (a ida pra Zona Sul custa cerca de R$ 80), então peça o CARTÃO RETORNO.

cartão

Para garantir a tarifa é necessário APRESENTAR o cartão!

Com este cartão, a volta para o aeroporto Galeão vai sair R$ 45 de qualquer lugar da Zona Sul  (incluindo Copacabana, Leblon e Ipanema): basta você ligar para o número do cartão e apresentá-lo ao motorista.

Em resumo: para grupos ou família a partir de 4 pessoas compensa ir de táxi e usar o cartão retorno, o valor fica muito próximo ao do ônibus e é bem mais rápido.

Bicicleta no Rio

Cada vez que vou para o Rio de Janeiro gosto mais deste lugar. Desta vez fiz tentei fazer um programa que eu ainda não tinha feito, mas que eu tinha muita vontade: passear com aquelas bicicletas que ficam em diversas estações da cidade.

As bicicletas laranjas (patrocinadas pelo Itaú) estão por todos os lados.

• Para usá-las, o primeiro passo é se cadastrar no site do BIKE RIO. É preciso informar um número de cartão de crédito. O passe mensal custa R$ 10*

• Depois disto é preciso ir até qualquer uma das estacões (são 60 espalhadas por pontos estratégicos, uma fica bastante próxima da outra).

• Quando chegar na estação, é preciso mandar um código e esperar a liberação. Parece complicado, mas é relativamente simples, e está bem explicado no local.

• As bicicletas podem ser usadas por uma hora. Depois é necessário “dar um tempo” de 15 minutos, até pegar outra.

Em resumo, é preciso um pouco de organização mas não é muito complicado. Só que nós estávamos em 8 pessoas e não conseguimos andar juntos pois em cada estação tinha apenas 1 ou 2 bikes disponíveis. Minha dica é: se você quiser alugar bikes para fazer este passeio, faça o cadastro antes e acorde cedo!

Infelizmente não existem bicicletas infantis ou com cadeirinha para bebês. Mas quem quiser pode alugar bicicletas para família na Lagoa!

* Quem não quer fazer o cadastro no site, pode ir direto para a estação, e ligar de lá. Ainda assim, depois disto, é preciso ligar e seguir as instruções digitando o número do cartão de crédito).