Video

Viajar com filhos mudou minha vida

Quem já leu o livro “Como Viajar com Seus Filhos Sem Enlouquecer” sabe que viajar com meus filhos mudou minha vida. Fui convidada pela Tam para falar um pouquinho sobre isto. É um vídeo bem curtinho (30 segundos) que foi feito no mesmo lugar onde aconteceu a primeira viagem com o Pedro, quando ele tinha 3 meses.
Quase morri de vergonha, mas deu tudo certo. Aqui está o link:

Você também pode clicar aqui para  assistir o video

 

Hotel Plaza Caldas da Imperatriz

O Plaza Caldas da Imperatriz Resort and Spa é uma ótima opção de hotel em Santa Catarina. O hotel é uma estância termal e fica bem pertinho de Florianópolis (20 km), mas não fica na praia. Foi lá que eu fiquei quando fizemos rafting, mês passado. O Caldas da Imperatriz já existe faz teeeeeempo (já fiquei hospedada lá quando era criança) mas está bem cuidado. A estrutura é bem bacana, piscina, piscinas térmicas fechadas – essencial no sul (em uma delas não é permitida a entrada de crianças), parquinhos, Kids Club, canchas, golf etc. E um dos pontos altos é a comida. Todo mundo que vai para lá, elogia.

O staff é muito atencioso e simpático.

Ah, e uma ótima notícia para quem tem Bancorbras: ele faz parte dos hotéis conveniados.

ESTRUTURA

O hotel tem uma área verde enorme, com trilhas e muitas atividades (algumas são tercerizadas por uma empresa que fica dentro do hotel, chamada Tartaruga e são pagas) como arvorismo, rafting, rapel, trekking, canionismo e vários playgrounds espalhados. Há recreação adulta e infantil o dia inteiro, separado por faixas etárias (os bem pequenos tem programação especial). De vez enquando a música na piscina fica muito alta, mas de forma geral achei tudo bem bacana.

O arvorismo é super bacana, e termina com uma super tiroleza. O Pedro pode ir com os grandes, mas se ele tivesse ficado com medo, poderia ter optado por um arvorismo ligth, em um outro percurso.

O hotel faz parte do Plaza Hotéis e Resorts SPAS, os outros hotéis do grupo são:

  • Plaza São Rafael
  • Plaza Itapema
  • Bahia Plaza Resort
  • Plaza Blumenau
  • Plaza Porto Alegre

Montanha de sobrinhos

O rafting é fora do hotel. Uma kombi nos pegou no hotel, no levou até o Café do Tabuleiro (de onde saem os grupos do APUANA) e depois nos levou até o rio. SUPER RECOMENDO. Foi o máximo.

Dá uma olhada no videozinho.

Dunas douradas de Piaçabuçu

Este é meu último post sobre minhas aventuras nos arredores do rio São Francisco. O Pedro simplesmente amou brincar nas dunas (já tinha se divertido bastante quando fomos na Joaquina). Na verdade, todos gostaram. As dunas de Piaçabuçu ficam em uma região de preservação, o acesso é super restrito. Poucas pessoas fazem e os grupos são muito pequenos. Ou seja, uma imensidão de areia para todos os lados.

Desta vez conseguimos pegar o tal super-buggy do Farol da Foz. O trajeto nele, por si só, já é uma diversão.

Chegamos na duna mais alta no pôr do sol (tudo calculado), as cores eram indescritíveis.

As descidas foram feitas de tudo que é jeito, sentado, deitado, um na garupa do outro. Não tirei fotos, mas um fiz um mini video que mostra como todo mundo se divertiu! Na última cena, o Pedro está nas costas do pai, o nome deste “estilo” é double deck rsrsrsrs

Veja também

• Cânion do Xingó

• Foz do Rio São Francisco

• Almoçar na beira do Rio

• Descobrindo o Rio São Francisco

As melhores viagens com Crianças: Beach Park

 

Na primeira vez que fomos ao Beach Park, o Pedro tinha 3 anos e meio. Nós amamos o parque, o hotel, foi tudo perfeito. Tem um episódio desta viagem que me faz questionar um pouco minha sanidade: resolvemos convidar uma amiga do Pedro (da mesma idade) para ir junto. Ela não é parente, mas é MUITO próxima. E aceitou. E os pais dela deixaram ela ir. Então lá fomos nós, com 2 crianças de 3 anos de idade para o Beach Park. Se voltasse no tempo, faria de novo. Já tinha contado isto neste post. Desta vez fomos com o Pedro, um dia depois do aniversário dele de 8 anos, e com a Luiza (que ainda não fez 3). Foi o máximo! O Pedro chegou a lembrar da maioria dos brinquedos que ele foi (até fizemos uma foto dele e da Luiza no mesmo brinquedo que tiramos uma foto dele e da Marina).

2007

2011

Desta vez, ele pode aproveitar os tobogans maiores. E a Luiza se divertiu nos mini tobogans, nas poças dágua, laguinhos e no Acqua Circo, que é o novo brinquedo. Na verdade ele é um playground aquático, uma área enorme, prefeita para crianças pequenas, que tem um monte de brinquedos legais e água por todos os lados! Enquanto o Pedro experimentava todos as cores de tobogans, eu brincava com a Luiza. Depois eu era intimada para os mais radicais enquanto o Nuno brincava com ela. O Beach Park tem muitos brinquedos mas nenhum fica longe demais um do outro então as vezes nos separavamos por um tempo e depois nos encontravamos para brincar juntos.

Não é necessário levar dinheiro para o parque, basta usar o cartão de consumo e pagar na saída do hotel. Como o hotel é realmente grudado, acabamos fazendo as refeições no restaurante mesmo. Dentro do parque só consumimos pipoca e picolé.

Aquele ali atrás foi o brinquedo preferido do Pedro, o RAMUBRINKÁ

Acqua Resort e Suítes Resort

Os dois hotéis do Beach Park ficam grudados no parque. Os dois tem praticamente a mesma estrutura: quartos bons com cozinha, piscina, restaurante, recreadores, Kids Club (espaço com brinquedos, recreadores e estrutura para comidinhas), babá, etc. Da primeira vez ficamos no Suites Resortes, ele é muito bacana, mas o Acqua Resort tem um diferencial que é MUITO legal: uma piscina com correnteza que vai até a entrada do parque. Imagine você sair do quarto, andar até a piscina, entrar na água e sair dentro do Beach Park??? Amei.

As piscinas do hotel tem muitos salva vidas, achei isto bom porque assim os pais se sentem mais seguros. Mesmo nas piscinas de bebezinhos, tem alguém olhando.

Achei a comida do restaurante do hotel ainda melhor do que da outra vez. Tem muitas saladas, várias opções para as crianças e sempre tem uma prato sendo preparada na hora. O Pedro só participou de algumas das atividades de recreação, mas para quem quiser, tem programação durante o dia inteiro, tanto para crianças como para adultos.

A praia fica na frente e é gostosa, mas venta demais. Fomos e ficamos pouco tempo.

Piscina + mar + calor = vida boa

Foi uma viagem super rápida (um fim de semana), mas valeu muito a pena, fugimos do frio e ainda recarregamos as baterias.

Vídeos de outras viagens:
Tailândia (2010)
Dubai (2010)
Foz do Iguaçu (2009)
Pousada do Toque – Alagoas (2009)

As melhores viagens com crianças: Foz do Iguaçu

Destino: Foz do Iguaçu
Idade: 6 anos (Pedro) e 11 meses (Luiza)
Novembro 2009

Quando eu era criança fui muitas vezes a Foz do Iguaçu. Sempre gostei do programa, que incluia, uma tarde em Cuidad de leste, comprar doce de leite e blusas de lã na Argentina, a salada de frutas que fica no castelinho em Céu Azul e Foz, um passeio em Itaipú (que agora é um parque SUPER organizado com tour e museu) e o Parque das Cataratas, que eu adoro!

Há 10 anos o parque foi renovado, quando fomos para lá em fiz um post sobre nosso passei. Mas agora que o video ficou pronto, resolvi falar um pouco mais!

De Curitiba, são 700 quilometros. Nunca fiz este trajeto de avião. Mas há voos de Curitiba ou Sao Paulo. Até 10 anos atrás, o parque era na verdade uma reserva de onde você via as cataratas do Iguaçú. Hoje é um parque temático com mascotes, ônibus double deck decoraro, praça de alimentação (fraquinha), passeios e trilhas MUITO legais para crianças de todas as idades!

Pra mim, o MACUCO SAFÁRI é disparado o programa mais bacana. Nele você faz uma trailha em 3 etapas: primeiro vai de trator, depois faz uma trilha a pé e finalmente, vai de bote até embaixo das Cataratas. É impossível não sair ensopado. Recomendo comprar capas de chuva já na entrada do Parque.

O parque também oferece rapel, trilha de bicicleta e passeios de barco com menos emoção! Há tambem um passeio nas Cataratas em noites de lua cheia. Deve ser muito bonito! Acho o site bastante confuso, é difícil encontrar as atividades nele.

Hospedagem:

No Brasil existem váiras opções de hotel, mas a maioria não é muito charmosa. Os mais completos são o Mabu , Bourbon e  o Hotel das Cataratas (do grupo Oriente Express) que fica dentro do Parque.

Da última vez que eu fui, ficamos num hotel na Argentina. Eu recomendo esta opção pois lá há mais opções de hotéis (inclusive em cima da árvore) e eles são mais baratos (por causa do câmbio). Sem falar que há dezenas de opções de restaurantes com vinhos bons e uma carne deliciosa!!!

O nome do hotel que eu fiquei é Hotel Cataratas, aho que tem uma meia dúzia de hotéis de cada lado, com o mesmo nome. Ele não é novinho, mas é bacana. Na mesma rua, há dezenas de opções!